quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Não-pertencimento

Uma das piores sensações que você pode sentir na vida é a de não-pertencimento. Sensação de não pertencer ao homem ou a mulher que é casado(a), não pertencer a sua família, não pertencer ao seu corpo, não pertencer ao seu grupo de amigos, não pertencer ao lugar onde vive. Eu não pertenço ao lugar onde vivo.

Acorda pela manhã, abre a janela para deixar entrar a brisa do novo dia, enche bem o peito... e respira cinza. Visualiza um sol cinza, ruas acinzentadas, pessoas acizentadas. Cinza. Um hambiente morto, tingido de cores sem vida.Ao longe, toca baixinho uma música que apenas você ouve, um ritmo nostalgico que te remete a fragmentos de sua vida que já foram mais nobres.

Acordar,dormir,acordar,dormir! Ações mecânicas e desprovidas de qualque emoção. Cerebro no automâtica. *Clicky* Aperta o play para enfrentar as horas. E a vida faz sentido?

Só esprando que os ventos mudem para o norte.


Post original do blog: www.oprosaico.blogspot.com

4 comentários:

Lord V. disse...

oremos!!! foi feito pra mim esse post colega?

abraços
voy

LEO disse...

“Quem um dia irá dizer
Que não existe razão
Nas coisas feitas pelo coração?
E quem irá dizer
Que não existe razão?”
Legião Urbana
Disse!
BJSSS
LEO
Boa semana procê

Afrodite disse...

olá!
Por onde tem andado que não postou mais nada?
Volte e atualize!
Sinto sua falta!
Um beijo
Afrodite

Afrodite disse...

Passei pra desejar boas festas e dizer que não te esqueci,viu?!
Por onde tem andado?
Qd vai atualizar???
Volte logo!E com força total!!!
Beijo!