quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Adoção por casais homoafetivos.

No Brasil o número de casais dispostos a adotar crianças é maior do que o número de criaças a serem adotadas. Depois de tomar conhecimento sobre essa informação você se pergunta:

-Oxeee ( bem, esse seria um baiano se perguntando), então por que ainda há crianças nos orfanatos?



O problema é que o casal define a idade e a cor da pele por exemplo, e em sua maioria optam por crianças pardas ou brancas com até 3 anos de idade, então o processo de adoção se torna uma longa e dolorosa espera já que a maioria das crianças a serem adotadas são negras e com idade maior do que a estipulada pela maioria dos futuros pais. Se vamos adotar uma criança para amarmos e darmos carinho para que estipular tudo isso? Não defina cor, idade, credo... crianças são crianças, elas são fofas e carinhosas com qualquer idade, sexo e cor.

Essas pobres crianças quando são adotadas, eu tenho certeza que não olham para a cor, credo, idade, poder aquisitivo e muito menos a sexualidade de seus pais adotivos. Caramba, se eu fosse uma criança orfão com toda a certeza não me importaria de estar sendo adotado por dois pais, ou duas mães ou um transexual, qual é a diferença? Já foi comprovado cientificamente que pais gays não conseguem influênciar na sexualidade de seus filhos como os meus pais biologicos e heteros não conseguiram influênciar na minha. Então para que tanta resistência a adotação de crianças por casais de homoafetivos? Será que seria melhor mantê-las em orfanatos apesar de haver pessoas lá fora preparadas para lhes dar um lar com amor afeto e carinho que elas precisam? Em que estado de ignorância nós chegamos? Isso é absurdo para mim, é absurdo negar a um pequeno um lar, amor e carinho.

Imagine se com o número de casais homossexuais já existentes no mundo com esse desejo de se tornarem pais, não seria uma boa oportunidade para sanar essa carência do mundo?

As coisas estão mudando e as estruturas familiares também. Espero que a adoção por casais de pessoas no mesmo sexo seja uma realidade corriqueira



Por Murillo Nascimento.

5 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Sou completamente a favor da adoção, se um dia tiver um filho será adotado e acho uma frescura ficar tentando adotar uma criança bonitinha, branquinha e tal... Quem quer ter um filho mesmo, desenvolve amor por qualquer criança.

Bjks

Branca disse...

Legal seu post.
Sou a favor da adoção seja de qual forma for: por casais do mesmo sexo, ou não... temos tanta criança abandonada no mundo que está na hora de rever isso.
* O amor se constrói com convivência, doação, então não importa cor, sexo, idade... quem se propõe a adotar uma criança, certamente irá amá-la do jeito que for...
Bjo carinhoso pra ti,
Branca.

Deusa disse...

Outra coisa, tem tanta mulher parindo por parir ai, q sinceramente deveriam castara essa.
Eles deveriam agradecer por ter pessoas tao show de bola interessadas em dar amor.

Clóvis sivolC disse...

Eu acho isso uma maldade sabe...
pq não ? várias crianças sofrem por não terem pais.
Pq não adotar pra alguém que dar amor? independete de sexo , raça ou religião?
mundo estranho esse mundo q vivemos!

Anônimo disse...

Good post and this fill someone in on helped me alot in my college assignement. Thank you as your information.