quinta-feira, 12 de março de 2009


Enquanto os meus olhos percorriam a página, famintos, curiosos, a minha cabeça me transportava para um mundo paralelo onde ocorria a bela história de um vampiro e uma humana que alimentavam um amor impossível. Me distrai completamente, a leitura estava me deixando sem fôlego, a cada página finalizada me aproximava mais do desfecho de todo aquela novela.

Não percebi quando ele se posicionou ao meu lado, estava absolutamente entretido, ele percebera e se aproximara lentamente, não sei por quanto tempo ele havia ficado lá, na minha frente, sem que eu o percebesse. Sua mão pousou em cima do meu livro fechando-o, olhei para cima com raiva, mas o meu semblante mudou completamente quando vi a sua pele morena, o seu cabelo liso e negro, sua barba por fazer... Eu fiquei parado, olhando, observando, ele encarava o livro com um sorriso no canto da boca, um sorriso lindo. Não tive coragem de falar , apenas esperei, ele quebrou o silêncio .

Lua Nova. É legal? - Perguntou.

Sim, eu gosto, crepúsculo é melhor, mas ele é bem legal. - Comentei.

Eu não tenho tempo nem para ler os livros do próprio vestibular, boa leitura. - Finalizou ele ao ver que o professor de história se aproximava.



Depois que ele se foi pude perceber que meu coração batia freneticamente.
"Homossexuais - Brasil. "
Gostaria que me dessem esse apoio. Entrem!Entrem!

----------------------------------------------------'-----------------------------------------

Me apaixonar pelo cara do cursinho não é uma boa ideia, mas é assim que me sinto quando ele chega perto. Eu tenho a mania de transformar pequenos acontecimentos em grandes situações românticas, essa foi a minha visão dos acontecimentos, mas eu sou suspeito para falar. Vocês já devem estar cansados de lerem descrições como essas feitas por mim nesse blog, elas nunca dão certo, nunca vão para a frente, é sempre um pequeno engano meu. Não quero ser pessimista. Estou torcendo para que dessa vez algo realmente esteja acontecendo.

12 comentários:

Branca disse...

Se vai te fazer feliz tomara que dê tudo certo...

Bom fim de semana pra vc,
bjos!

Marcela disse...

to torcendo pra dar tudo certo, nem te conheço mas eu adoro você, nem sei pq :s, e para com esse pessimismo todo, relaxa, as coisas só vão dar certo quando você parar de ser tao pessimista, olha em volta, nem tudo da errado

Isa disse...

kkkkk bem não sou muito fã de Stephenie Meyer(é assim q escreve? rs..)
Tu acreditas que anda acontecendo algo parecido comigo lá tambem?
rsrs
temos tanto em comum hein
tomara que dê certo pra ti tbm!!!
beijokão te adoro, post massa ^^
Dora

Cara do Blog disse...

SE aconteceu assim mesmo,vai nessa que ele ta na tua, se vc acabou idealizando demais e não sabe se ele ta na tua, vai nessa vale a pena tentar.
Bjos!

[mega] Paulo Mamedes disse...

Ai que fofo!

Tiago Leal disse...

Obrigado pelo scrap. O padre Fábio e o Crepúsculo tem uma coisa em comum: estão em tudo quanto é lugar. Olha, não conheço uma pessoa que não tenha ouvido falar nesses dois nomes. E por falar em amor, axei linda sua visão dos acontecimentos, infelizmente eu já não vejo mais as coisas dessa forma.Isso se chama esperança.

Valci Pessoa disse...

É a primeira vez que venho no teu blog =))
Então ainda não estou cansado **'
Vai lá cara, boa sorte!
Abs!

Que Delícia Né, Gente?! disse...

AMO a série "Crepúsculo", meu preferido é o 4º, que ainda não lançaram aqui, o "Breaking Dawn".

Édipo

Eu amo a E.Y. disse...

Fala meu camarada, meu blog é real, sim. A EY existe e tudo ali narrado realmente ocorreu. Só troco os nomes por uma medida de segurança. Agradeço mesmo pela sua visita.

Parabéns pelo seu blog. Gostei muito dele. Sempre aprecio blogs que tem uma história para contar Parabéns mesmo pela inciativa! Prometo me tornar visitante.

Lília disse...

Que história linda! Show!
Eu vivo lendo e ng faz isso comigo!
Vai fundo!
A vida é um risco muito gostoso!

.moony. disse...

aaah, eu também transformo qqr coisinha num grande acontecimento romântico!! xD
mas não desiste não *-*
aaah, eu não gosto muito da 'série crespúsculo'... amo mesmo é Anne Rice *-* (as crônicas vampirescas: Entrevista com o Vampiro, O vampiro Lestat, A Rainha dos Condenados e assim por diante...)
Lembro de um trecho de um livro (que eu ainda não li) das crônicas vampirescas que vi numa comunidade no orkut... bom, eu não lembro da frase exata nem da comunidade, mas era algo como

"(...)o presente das trevas [ser vampiro] é a libertação dos conceitos de masculino e feminino."

os vampiros de anne rice amam, acima de tudo, o belo :D

enfim, me estendi demais sobre os vampiros!
xD

bjo
teh +

.moony. disse...

p.s.: entrei na comunidade :D